Nota Funai - Acidente BR 101

LUTOA Funai confirma e lamenta a morte de cinco indígenas em acidente envolvendo uma caminhonete e um caminhão de carga, na manhã desta quinta-feira, 11 de setembro, na BR 101, em Rio Largo - região Metropolitana de Maceió (AL). O grupo se deslocava de Porto Real do Colégio para Maceió, quando aconteceu o acidente.

 

 

 

As vítimas são os indígenas Welton Mendonça de Farias, Kariri-Xocó, servidor da Funai há 10 anos, chefe da Coordenação Técnica Local em Porto Real do Colégio; o grande cacique Karapotó de Terra Nova, Antônio José Filho, conhecido como Cacique Isodoro; seu filho Rosivan dos Santos; José Wilton Tavares Vieira Silva e Dyarone Luiz Feitosa, ambos Kariri-Xocó.

 

Representantes da Funai acompanham os trabalhos de remoção e identificação dos corpos, que seguirão para as aldeias de origem. Os corpos dos Kariri-Xocó seguirão para o município de Porto Real do Colégio, e os dos Karapotó, para o município de São Sebastião.

Destaques

class=

O povo Arara Shawãdawa da Terra Indígena Arara do Igarapé, interior do Acre, agora pode contar com a energia solar para se beneficiar dos derivados do cocão, palmeira da região do Juruá.

 

class=O governo do Estado do Rio de Janeiro publicou na última sexta-feira (12) o Decreto nº 46.218, que institui o Conselho Estadual dos Direitos Indígenas (Cedind), sem aumento de despesa. O órgão colegiado permanente tem...

class=Desde que assumiu a presidência da Funai, em julho de 2017, o presidente Franklimberg de Freitas tem atuado de forma capaz e eficiente para garantir os direitos e melhorar a qualidade de vida dos mais de um milhão de indígenas...

 
 
 

acesso-informacao

banner 02

logo-ouvidoria

banner 04

banner 05