Atendimentos de saúde beneficiam mais de 4 mil indígenas no Acre

atendimento a saudeO atendimento de saúde pública chegou à população indígena de 17 etnias da Aldeia Morada Nova, em Feijó (AC). Uma parceria do Ministério da Saúde e da Defesa atendeu mais de 4 mil indígenas. Ao todo, foram mais de 4 mil atendimentos, 400 cirurgias e 5 mil exames e procedimentos médicos.

 

O apoio do Exército e da Força Aérea Brasileira (FAB) foi essencial, já que a região é de difícil acesso. Por isso, 30 mil militares participaram da missão.

 

No local, foi armada uma unidade hospitalar que abrigou mais de 15 toneladas de equipamentos. Os atendimentos estiveram voltados sobretudo às operações de catarata e hérnia, assim como consultas com pediatras e ginecologistas.

 

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério da Defesa

Destaques

class=Representantes de 30 Coordenações Regionais, Museu do Índio e Sede da Funai participaram do "Seminário de Encerramento do Exercício 2018", em Brasília, na última terça-feira (11). Realizado pela Coordenação-Geral de...

class=

 

As experiências e iniciativas sustentáveis de geração de renda empreendidas pelos Kĩsêdjê chamaram a atenção dos Xavante (autodenominados A'uwẽ) que, para conhecê-las, empreenderam uma viagem de quase 600 km, promovida pela Coordenação Regional Xavante na primeira semana de dezembro.

class=O indigenista Fernando Schiavini, o repórter Rubens Valente e o antropólogo e professor universitário Henyo Barreto foram alguns dos nomes que abrilhantaram a II Semana Indigenista da Funai entre os dias 3 e 7 de dezembro.

 
 
 

acesso-informacao

banner 02

logo-ouvidoria

banner 04

banner 05