Funai iniciará processo fundiário das terras do povo Wajuru, em Rondônia

24368824198 56851b47b0 zO presidente da Funai, Franklimberg de Freitas, recebeu nessa terça-feira (7) a visita de representantes dos povos Wajuru e Sakurabiat, acompanhados por membros do Ministério Público Federal (MPF) de Ji-Paraná (RO) e da 6ª Câmara, para tratar da reivindicação fundiária do povo Wajuru, localizada no município de Alta Floresta D'oeste, no Estado de Rondônia.

 

Na reunião, a cacique Valda Wajuru ressaltou a preocupação do seu povo com as recentes invasões da área onde eles vivem, e cobrou da Funai a demarcação da terra, que está em processo de qualificação.

 

Franklimberg se comprometeu a enviar uma equipe da CR Ji-Paraná, juntamente com profissionais na Universidade Federal de Rondônia (UNIR), para aplicar o roteiro de qualificação de reivindicações. "Buscaremos um técnico competente para fazer a qualificação da área e, finalizando o processo, que esperamos ser logo, partiremos para o próximo passo, que é a criação do grupo de trabalho que fará o estudo de identificação e delimitação da terra", afirmou o presidente.

 

ASCOM / Funai, com informações da CGID

Destaques

class=Representantes de 30 Coordenações Regionais, Museu do Índio e Sede da Funai participaram do "Seminário de Encerramento do Exercício 2018", em Brasília, na última terça-feira (11). Realizado pela Coordenação-Geral de...

class=

 

As experiências e iniciativas sustentáveis de geração de renda empreendidas pelos Kĩsêdjê chamaram a atenção dos Xavante (autodenominados A'uwẽ) que, para conhecê-las, empreenderam uma viagem de quase 600 km, promovida pela Coordenação Regional Xavante na primeira semana de dezembro.

class=O indigenista Fernando Schiavini, o repórter Rubens Valente e o antropólogo e professor universitário Henyo Barreto foram alguns dos nomes que abrilhantaram a II Semana Indigenista da Funai entre os dias 3 e 7 de dezembro.

 
 
 

acesso-informacao

banner 02

logo-ouvidoria

banner 04

banner 05