Nota de Pesar - Paulo Paulino Guajajara

paulo guajajaraA Funai lamenta o assassinato da liderança indígena Paulo Paulino Guajajara, ocorrido na noite da última sexta-feira (1), no interior da Terra Indígena Arariboia (MA), região visada por madeireiros. O grupo de madeireiros emboscou covardemente os indígenas.


Informamos que a Funai ja enviou equipe à aldeia para acompanhar a situação, prestar solidariedade às famílias e levantar mais informações.

Inicialmente, a Polícia Civil tomou a frente, no 1º momento, e que agora foi constituído inquérito, por se tratar de área da União, que será enviado à Polícia Federal, que subsidiará pedido da Funai, possivelmente, à Força Nacional.

Desde 2016, há uma Ação Civil Pública que prevê ações de fiscalização na área, que haviam sendo intensificadas nos últimos meses, principalmente devido a relatos de indígenas sobre invasões. Os indígenas também, por conta própria, têm intensificado ações de vigilância e monitoramento na Terra Indígena. A partir de agora, haverá presença maciça das forças de segurança na região por um período contínuo.

O outro indígena alvejado, Laércio Guajajara, já foi liberado do hospital e incluído no programa de direito humanos do Governo do Estado.


O clima na aldeia é de consternação já que, além de ser uma jovem liderança, também era filho de um líder. Paulo tinha 26 anos e deixa esposa e um filho.


Assessoria de Comunicação/Funai 

Destaques

class=(Sorriso-MT, 18/09/2020) O Governo Federal entregou nesta sexta-feira (18) 1.665 Títulos de Domínio (TD) para famílias de agricultores assentados de Mato Grosso. A cerimônia contou com a presença do presidente Jair...

class=Em parceria com o Museu do Índio, o Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) convida crianças e adolescentes indígenas, entre 3 a 15 anos, a mostrar o seu talento e criatividade para participar da montagem da...

class=O canal do Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) no Youtube realiza no próximo sábado (19), às 16h, a live 'O Céu Tikuna em Movimento'. A Live apresenta as interpretações do céu pela etnia Tikuna, trazendo um olhar diferente da astronomia ocidental.

 
 
 

acesso-informacao

banner 02

logo-ouvidoria

banner 04

banner 05