Planejamento Estratégico

A partir de 2010 foram concentrados esforços no âmbito da Fundação Nacional do Índio, objetivando a adoção de práticas de Planejamento Estratégico, para orientar a ação organizacional.

 

Nesse contexto, destaca-se como marco importante a oficina de planejamento estratégico FUNAI, realizada em março de 2011, que teve como objetivo a revisão do planejamento estratégico de 2010 e o alinhamento estratégico para a gestão 2011-2014, conforme descrito no RELATÓRIO DE OFICINA DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

 

Na elaboração do Plano para 2013 foi tomada por base a Portaria 1.746, de 28 de dezembro de 2012, dando-se inicio à implantação da sistemática de planejamento, monitoramento e avaliação, tendo como finalidades: 

 

I - promover a atuação integrada da FUNAI, envolvendo suas unidades nos diversos níveis organizacionais, em um ciclo contínuo de planejamento, monitoramento e avaliação de suas iniciativas, ações, projetos e atividades, com foco na gestão por resultados;

II - proporcionar a construção de consensos no equacionamento de problemas que compreendam a formulação de soluções integradas ou compartilhamento de ações;

III - favorecer a interlocução permanente, o compartilhamento de responsabilidades, aprendizado e troca de experiências e informações sobre a gestão do conjunto das ações sob responsabilidade da FUNAI;

 

Em 2017 foi realizada a oficina de planejamento estratégico para o período 2018 a 2019, no Centro de Formação em Política Indigenista – CFPI, localizado em Sobradinho-DF.

 

As Diretrizes estratégicas, a Missão e a Visão da Funai foram aprovados por meio da Resolução da Câmara de Gestão Estratégica - CGE nº 01, de 24 de novembro de 2017. (acesse aqui)

 

O Planejamento Estratégico foi realizado considerando as seguintes etapas: Levantamento de Diagnóstico Institucional; Revisão e Definição da Identidade Institucional: Missão e Visão; Estabelecimento das Diretrizes Estratégicas; e Definição dos Objetivos Estratégicos. Para a elaboração do Planejamento Estratégico da Funai foram utilizadas três perspectivas, quais sejam: a) Perspectiva da Sociedade e Governo: deve estar alinhado com a Missão e a Visão da Funai, bem como com as expectativas do nosso público beneficiado e demais resultados esperados pela sociedade. b) Perspectiva de Processos Internos: deve orientar quais serão os processos internos prioritários para o cumprimento do papel institucional da Funai; e c) Perspectiva de Gestão e Inovação: deve ser dirigido ao fortalecimento institucional por meio do aprendizado, crescimento, desenvolvimento de pessoas, infraestrutura física e organizacional e ferramentas de tecnologia da informação.

 

Os objetivos estratégicos estabelecidos estão alinhados à missão e visão da Funai, às diretrizes, aos objetivos de desenvolvimento sustentável e possuem indicadores e metas correlatos.

O Planejamento Estratégico foi aprovado por meio da Resolução CGE nº 02, de 20 de dezembro de 2017 (acesse aqui) e pela Portaria nº 111/Pres, de 07 de fevereiro de 2018. (acesse aqui)

 

Mapa Estratégico da Funai para o período 2018 a 2019

 

Mapa Estrategico